23/11/2021 10:30

Quem é o artista que faz tênis para astros da NBA, UFC e presenteou Zico

https://conteudo.imguol.com.br/c/esporte/0f/2021/11/22/sancler-graffit-e-sua-exposicao-de-quadros-no-japao-1637626832974_v2_750x421.jpg

Sancler Graffit também tem realizado exposições pelo mundo de telas em pintura acrílica
Imagem: Divulgação


Imagine você ver sua arte sendo utilizada por astros do futebol, da NBA, do UFC, do boxe, do WWE e até mesmo de Hollywood? Este é um privilégio para poucos, e que foi obtido por um artista plástico natural de Mogi Mirim (SP) e criado em Mogi Guaçu (SP). Desde 2005 morando no Japão, Sancler Julio de Paula, mais conhecido como Sancler "Graffit", se especializou em pintura acrílica e ganhou notoriedade ao customizar calçados para personalidades do esporte, do cinema, da música e da moda.



Na última sexta-feira, por exemplo, o paulista foi convidado pela embaixada brasileira no Japão para participar da homenagem a Zico em referência aos 40 anos do título mundial do Flamengo, conquistado no país. Na ocasião, Sancler presenteou o ídolo rubro-negro e do Kashima Antlers (JAP) com uma chuteira personalizada (veja no vídeo acima a produção da arte).


LEIA TAMBÉM: Após renovação, trio "especial" do Flamengo busca escrever mais um capítulo vitorioso no clube


Anteriormente, o artista já havia customizado tênis para para o volante Casemiro, da seleção brasileira e do Real Madrid; para os lutadores Anderson Silva, Deiveson Figueiredo e Poliana Botelho, do UFC; para a skatista brasileira Yndiara Asp, que participou da Olimpíada de Tóquio; para o ex-jogador da NBA, Muggsy Bogues; para o ex-jogador de Flu e Vasco, Darío Conca; para o ator norte-americano Michael Beach, famoso por atuar em filmes como "Aquaman" e na série "Third Watch", entre outros.

Celebridades da indústria da moda também estão em seu portfólio, casos do estilista Chris Lavish e o editor de moda da Vogue Magazine, Sr. Morty. Na música, o rapper americano Sauce Walka é mais um que está no currículo.

"Eu vou falar a verdade: cada tênis que faço não virou trabalho, virou sonho. Não só os tênis, os quadros também. Fico pensando que nunca imaginei que os caras que eu tanto admirava estão com minha arte. Cara, eu jogava basquete na adolescência, cheguei a jogar o regional pelo Corinthians. Tem noção que fiz um tênis para o Muggsy Bogues (ex-jogador da NBA)? Tenho o card dele de 97 até hoje que eu colecionava!", declarou ao UOL Esporte o simpático artista, complementando:

"Outro dia estava assistindo um filme na Netflix e estava lá o Michael Beach, sendo que o cara tinha me mandado uma mensagem horas antes me elogiando. Naquele momento caiu a ficha. Trabalhei na roça quando era pequeno! Parece até que é mentira.,, É prazeroso demais".

Infância colhendo algodão e ironia que virou "combustível"

O talento de Sancler Graffit foi despertado desde pequeno desenhando com lápis e papel, mas antes de se estabilizar na carreira teve uma infância humilde colhendo algodão. E foi justamente na roça que uma ironia lhe serviu de combustível.

"Sábado a gente não trabalhava, mas era dia de pagamento. Ficávamos antes de meio-dia esperando o dono da plantação para pagar. Naquela época eu já fazia uns quadrinhos e dizia que quando estivesse com 18 anos queria ser o melhor pelo menos do meu bairro. E aí outro dia o cara me deu um 'pedala' me ironizando dizendo: 'para de sonhar, neguinho!'. Ele nem sabe, mas depois daquilo ali ele me deu o combustível que eu precisava. Nunca mais esqueci", se recorda.

Aos 14 anos, realizou sua primeira exposição de quadros na escola municipal Almerinda Rodrigues, onde guarda com gratidão o nome da sua então professora de Educação Artística:

"A professora Rosely que me apoiou. Gosto sempre de citar o nome dela. Foi ela quem me levou nos primeiros museus e me abriu os olhos para a arte".

No começo da vida adulta, a paixão pelo aerografismo falou mais alto. Embalado pelo filme Velozes e Furiosos, Sancler, em 2004, fez sucesso personalizando carros, baterias de automóveis e capacetes.

Foi para o Japão lutar boxe e agora ganha prêmios com arte

O artista se mudou para o Japão em 2005, mas não por conta do aerografismo. E, sim, pelo boxe, o outro esporte que praticou e competiu.

"Na época vim lutar boxe. Já tinha oficina no Brasil, mas vim tentar carreira de luta. Foi a oportunidade que surgiu, mas tive uns contratempos e fui trabalhar em fábricas até conseguir montar minha primeira oficina", explica.

Unindo seu talento com muita perseverança e dedicação, Sancler Graffit focou na arte e passou a ser inscrever em concursos, até que a partir de 2019 a "chave virou" e ele começou a ser reconhecido pelo seu trabalho.

"Se você gosta de verdade, corre atrás, busca. Levei muito tempo para conseguir ficar conhecido porque não conhecia os caminhos. Então foquei nos artistas que me espelhava e comecei a pesquisar tudo que esses caras fizeram. Como eles vendiam? Fazia permuta? Com quem começaram a negociar?", se recorda.

Atualmente, Sancler tem participado de exposições renomadas do segmento. Em 2019, por exemplo, ele esteve na "Sneaker Con", em Osaka (JAP). Meses depois, lançou sua arte da pintura na renomada joalheria Trax, do ator Maksud Agadjani, em Nova York (EUA).

Em junho deste ano, o paulista apresentou suas pinturas acrílicas e foi o único brasileiro na 19ª edição da Mostra Zen no Museu Metropolitano de Arte de Tóquio. Em agosto, exibiu seus tênis personalizados na Yokohama Civic Art Gallery. Após o evento foi nomeado Embaixador Internacional da Arte Zen.

Mês passado, mais dois prêmios: da exposição Zen Ten Ar, No Momas (JAP), e como "Melhor Artista Brasileiro no Mundo", no evento "Melhor do Brasil no Mundo", no Palácio de Kensington, em Londres (ING).

Anderson Silva abriu portas

Em 2020, o brasileiro Anderson Silva foi a primeira personalidade a ser agraciada com tênis customizados. E isso aconteceu graças à "cara de pau" de Sancler, que é fã incondicional do lutador e procurou Kalyl, um dos filhos do astro.

"Sou fã número 1 dele (Anderson). Fico até brincando com ele sobre isso (risos). O admiro desde o Pride (evento que precedeu ao UFC). Entrei em contato com o Kalyl e ele me ajudou. Quando entregou, na mesma hora o Anderson pegou meu número e mandou vídeos, áudios... Não acreditei. Ficou feliz de verdade. Disse que ia colocar junto com os troféus dele na instante", revela o artista, complementando:

"Hoje somos amigos, foi o maior prêmio para mim. Dinheiro nenhum paga isso daí. Ganhei um amigo além de ser fã do cara. Valeu mais que tudo".

Na cor amarela, o par da Nike tem a famosa logomarca da aranha do "Spider" e a silhueta do lutador aplicando um chute. Além do calçado, Sancler também fez uma maleta personalizada para o astro.

No caso do tênis para o volante Casemiro, do Real Madrid, a arte foi produzida com a temática da equipe de jogos eletrônicos que o jogador fundou, e que é chamada de "Case E-Sports".

Após ganhar suas chuteiras na sexta-feira passada, Zico gravou um vídeo agradecendo e parabenizando Sancler:

"Parabéns pelo seu trabalho. Que continue ganhando troféus pela sua arte. É realmente um trabalho excepcional".



Quer customizar tênis para Mano Brown e Marcos Mion
Sancler é eclético quando o assunto é música. Vai do samba ao rock, mas pela origem e por toda a cultura que envolve seu trabalho, também foi fortemente influenciado pelo rap. E como não poderia deixar de ser, é fã do grupo Racionais MC's. Por isso, um de seus sonhos é presentear o líder Mano Brown.

"É uma meta. Ele (Mano Brown) nem sabe. Se quiser poder soltar isso aí na matéria (risos). Quero fazer um tênis para ele. Ele influenciou muito na vida dos brasileiros, admiro pra caramba".

Outro artista que Sancler Graffit deseja presentear é o apresentador Marcos Mion, da TV Globo, um grande "sneakerhead" (colecionador e fã de tênis).



"Ele é o maior sneakerhead do Brasil. É um cara que ainda não tentei, mas se quiser me contactar, eu daria de presente. Ele mudou muito o cenário sneaker por aí mostrando a cultura, as pessoas estão se interessando... Está sendo uma peça-chave no Brasil nesse mundo", elogiou.

Planeja exposições no Brasil e workshops

Com cada vez mais visibilidade, Sancler Grafitti tem planos ambiciosos. Pretende realizar uma turnê de exposições no Brasil ano que vem, fazer workshops beneficentes e eventos com arrecadações destinadas à projetos sociais.Também quer deixar seu nome marcado na história da arte.

"Meu sonho é ter um neto que tenha ouvido falar na escola sobre mim. Do professor falar que tinha o Candido Portinari, a Tarsila do Amaral e o Sancler (risos). Que teve a era dos sneakers e que foi algo que revolucionou. Meu sonho não é dinheiro. É fazer diferente no mundo artístico e abrir portas", declara.

artista, tênis, astros, NBA, UFC, Zico

1278 visitas - Fonte: Uol


VEJA: Marcos Braz não banca Renato no Flamengo: Na segunda-feira a gente começa a decidir

CONFIRA: Com Flamengo e Palmeiras, Libertadores de 2022 já tem 25 classificados; veja lista
















Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Brasileiro

Terça - 20:00 - Maracanã - Premiere
Flamengo
Ceará

Último jogo - Libertadores

Sábado - 17:00 - Centenário
Palmeiras
2 1
Flamengo