27/12/2012 19:32

Bandeira de Mello toma posse no Fla com festa e 'clima de Maracanã' na Gávea

Bandeira de Mello toma posse no Fla com festa e clima de Maracanã na Gávea

Vencedor da eleição do último dia 3 de dezembro, o novo presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, tomou posse na noite desta quinta-feira em cerimônia realizada no salão nobre da Gávea. E apesar do aparato luxuoso da ocasião, a festa da nova diretoria na sede do clube ganhou ares de arquibancada do estádio do Maracanã.

Empolgados com a mudança no comando do Flamengo, boa parte dos 650 presentes, entre associados e torcedores, fez uma verdadeira festa a cada anúncio de nome da nova diretoria. Cantos de arquibancadas e hino rubro-negro foram cantados de maneira intensa.

E além de Eduardo Bandeira de Mello, foram empossados o novo vice-presidente geral rubro-negro, Walter D'Agostino, e outros 12 vices representantes (confira o quadro abaixo) das pastas do Flamengo. A grande novidade na lista foi o cargo de Gustavo de Oliveira, que assume a pasta de comunicação, até então inexistente no clube da Gávea.

Patricia Amorim, que comandou o Flamengo do início de 2010 até esta quinta-feira passou um bastão simbólico a Bandeira de Mello, fez um breve discurso, pediu desculpas pelos erros no período e, por fim, ainda presenteou o novo mandatário com o relógio azul, alusivo ao nome da Chapa que venceu as eleições.

"Procuramos fazer essa transição da maneira menos traumática e mais transparente possível Que o Eduardo receba meus votos de sucesso e lembre que é um grande desafio. Espero que tenha a confiança de que tudo vai dar certo. Aproveito para me colocar à disposição para eventuais ajudas. Peço desculpa pelos erros. E, por fim, fico muito orgulhosa de chegar aqui ciente de que cumpri o que o Flamengo me permitiu que fizesse", disse Patricia, se despedindo simbolicamente do cargo.

Após o pronunciamento de Patricia, o vice Walter D'Agostino pediu a palavra, falou por 15 minutos. Depois, foi a vez de Delair Dumbrosck, recente presidente eleito do Conselho Deliberativo. No final, foi a vez do tão esperado discurso de Eduardo Bandeira de Mello.

O novo presidente do Flamengo agradeceu a transição pacífica de Patricia Amorim, disse que vai pedir ajuda a mandatária e se emocionou ao falar da família e de alguns colaboradores que faleceram por motivos de saúde e não celebraram a vitória desta quinta.

"Agradeço a Patricia pela transição e não vou deixar de pedir ajuda. Ela foi atleta, presidente e merece respeito, independente das críticas. Vamos melhorar o que é preciso, e são muitas coisas, e manter o que ficou de bom, como o Alexandre Wrobel [vice de patrimônio mantido na diretoria]. E começo também falando do meu tio, que faleceu após a eleição, e dos parentes do Rafael [vice de secretaria], que foi o principal colaborador da minha campanha", disse Bandeira.

"Confesso que há algumas semanas atrás jamais estaria aqui vendo isso. No começo da Chapa, eu apenas apoiava o grupo, até que o Wallim veio me chamar para ser o plano B, já que poderia ser impugnado.E eu entrei de vez naquela campanha que acabou vitoriosa. E o grande desafio agora é transformar a vitória na eleição em vitória dentro e fora de campo", ressaltou o novo presidente do Flamengo.

3486 visitas - Fonte: Uol


VEJA: Flamengo divulga superávit de R 4 milhões no primeiro trimestre de 2021 ?

CONFIRA: Diretor-executivo Bruno Spindel do Flamengo nega interesse em Marinho e Patrick













Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Carioca

Sábado - 21:05 - Maracanã - CariocaTV;FLATV
Flamengo
Volta Redonda

Último jogo - Libertadores

Terça - 21:30 - Estádio Rodrigo Paz Delgado
LDU
2 3
Flamengo