24/10/2021 08:13

Técnico muda discurso e ataca calendário antes de decisões do Flamengo

Técnico muda discurso e ataca calendário antes de decisões do Flamengo

Renato Gaúcho enfrentará o Athletico, na semi da Copa do Brasil, e o líder Atlético-MG pelo Brasileiro (Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF)

Renato Gaúcho comandou o Grêmio entre 2016 e 2021 e, no clube de Porto Alegre, foi rotulado como um treinador que abre mão dos pontos corridos para buscar as copas. No Tricolor, conseguiu levar duas: a Copa do Brasil, em 2016, e a Libertadores, em 2017. Mas, desde que chegou ao Flamengo em julho deste ano, manteve o discurso de que também iria atrás do Brasileirão.



No entanto, a derrota por 3 a 1 para o Fluminense na noite de ontem (23) parece ter alterado um pouco os planos do comandante. Após o revés, que manteve a equipe 10 pontos atrás do líder Atlético-MG (que tem um jogo a mais), o treinador praticamente jogou a toalha no torneio.


LEIA TAMBÉM: Em tratamento de lesão, Arrascaeta volta à lista de convocados do Uruguai para Eliminatórias


Em sua coletiva no Maracanã, Renato atacou o calendário do futebol brasileiro. Segundo ele, o Flamengo está pagando preço por se manter em três competições ao mesmo tempo (Libertadores, Copa do Brasil e Brasileirão), tendo que entrar em campo a cada três dias. Além disso, o técnico reclamou dos desfalques que tem, agravados por atletas que são convocados por suas seleções nas datas Fifa.

"No momento em que mudarem o calendário, jogando apenas uma vez por semana, será possível [vencer 3 torneios]. Qual é o clube que disputa três e ganha três competições? Isso é muito difícil. (...) Os jogadores são humanos, e a cada três dias é uma guerra, uma final para o Flamengo. A maioria dos adversários espera a semana toda. Ninguém sabe dos desfalques, faz parte do trabalho. Quem tudo quer, nada tem", declarou.

A crítica ao calendário do futebol brasileiro acontece justamente antes de uma semana decisiva para o clube da Gávea. Após empatar em 2 a 2 o Athletico Paranaense fora de casa, na ida da semifinal da Copa do Brasil, o time decide a vaga na decisão na quarta-feira. Três dias depois, no sábado (29), o Rubro-Negro volta ao Maracanã para receber o Atlético-MG pela 29ª rodada do Brasileirão.

Após classificar o Flamengo para a final da Libertadores, Renato Gaúcho sabe que os próximos dois jogos podem colocar a equipe em uma nova final e ainda alimentar uma chance no Brasileirão ou agravar uma fase ruim às vésperas da decisão continental.

Segundo o técnico, essa maratona de jogos está prejudicando muito o Flamengo. O treinador, que afirmou não estar poupando jogadores em nenhuma competição, não sabe ainda se poderá contar com Gabigol, Pedro, Bruno Henrique e David Luiz. Mas a ausência que mais preocupa é a do meia Arrascaeta.



"Não posso agradar todo mundo. Já coloquei o Vitinho, o Lázaro ali e o Andreas, na maioria das vezes. Ele foi muito bem contra o Juventude, e se eu tiro ele iriam questionar. Qualquer jogador que colocar ali as pessoas vão querer que ele faça exatamente o que o Arrascaeta faz. E são características diferentes", contou.

O meio-campista Diego, que recebeu o terceiro amarelo contra o Fluminense, é baixa certa para o confronto com o Galo. Por outro lado, o treinador terá a volta de Filipe Luis, que cumpriu suspensão contra o rival.

Técnico, muda, discurso, ataca, calendário, Flamengo

666 visitas - Fonte: Uol


VEJA: Éverton Ribeiro pode ser negociado pelo Flamengo; Confira!

CONFIRA: Técnico português fala sobre interesse do Flamengo: "Enorme orgulho"
















Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Ercilio Costa     

Andreas Pereira, esse cara nunca me enganou. Nao tem futebol para o que falam. Jogador sem sem criação de jagada, sem futebol. Pode mandar pro banco. Coga o Joao Gomes de 2° volante e o Diego de meia. Pronto. E Arao tem que voltat pro time titular e o Thiago Maia nao deslancha.

Alessandro Ramos     

Engraçado que se ficarem uma semana sem jogar fica mais propício a terem lesões... n tem q poupar, está cansado no jogo, sai e coloca um reserva... tem q ir c o q tem de melhor pros jogos sempre como fazia JJ... Renato é cabeça dura, só de insistir c Renê sempre e n dar oportunidades ao Ramon... colocar B. Viana de cabeça de área... tá fazendo mta merda já...

Adriano Souza     

Esse treinador é um bosta so sabe achar desculpas JJ tinha o msm time e levou quase tudo

que são 29 equipes e tem que ganhar de todas. Nunca ganhou brasileiro, pois não sabe ganhar competição mais difícil. Mata mata é mais fácil.

Só fala merda esse treinador aí. Manda embora antes que seja tarde. Não tem esquema jogo, não tem nada. Entrega a camisa para os jogadores e manda eles resolverem. Mostrou que não entende nada ao por aquele pior jogador do BRASIL, que é begue de centroavante. Para mim fora. Não devia nem ter vindo. Só pensa em copas, tem que mostrar serviço é no Brasileiro

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Brasileiro

Segunda - 20:00 - Maracanã - Premiere
Flamengo
Santos

Último jogo - Brasileiro

Sexta - 20:00 - Arena Pernambuco
Sport
1 1
Flamengo