15/5/2021 23:07

Flamengo sai na frente, Fluminense reage, e primeira partida da decisão do Carioca termina em empate

Gabriel Barbosa e Abel Hernández marcaram os gols no Maracanã, neste sábado

Flamengo sai na frente, Fluminense reage, e primeira partida da decisão do Carioca termina em empate

Fla-Flu em ação no Maracanã: tudo igual no jogo de ida da decisão do Carioca (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

Está tudo aberto na final do Campeonato Carioca. Neste sábado, o Flamengo saiu na frente, mas o Fluminense buscou o empate na etapa final e o clássico, válido pela partida de ida da decisão, terminou em 1 a 1. Assim, o título ficará com o vencedor do segundo jogo. Em caso de nova igualdade, a decisão irá para os pênaltis. Gabigol e Abel Hernández marcaram os gols do Fla-Flu 432.



Flamengo e Fluminense disputam a partida decisiva do Carioca no próximo sábado, novamente no Maracanã às 21h05. Antes, porém, a dupla entra em campo pela Libertadores. O Rubro-Negro recebe a LDU (EQU), na quarta, enquanto, na terça, o Tricolor enfrenta o Junior Barranquilla (COL). As duas partidas serão no Rio de Janeiro.

CLÁSSICO DISPUTADO PALMO A PALMO

A Prefeitura vetou a presença de público no Fla-Flu deste sábado, o que não impediu de que a Ferj liberasse 150 convidados para cada clube envolvido, o que deu à partida, desde o início, uma "cara de final', com gritos e incentivos. Os atletas, em campo, também não aliviaram, disputando palmo a palmo. Por vezes, exageraram e a primeira etapa ficou truncada: 22 faltas e cinco cartões.

DOMÍNIO E VANTAGEM RUBRO-NEGRA

Com os retornos de Gerson e Rodrigo Caio, o Flamengo não demorou a impor seu ritmo de jogo e teve o domínio da partida a partir de seu meio-campo. O camisa 8, inclusive, foi o grande destaque, construindo pela faixa central e se apresentando próximo à área rival. Foi em um desses lances que foi derrubado por Egídio. O árbitro precisou consultar o VAR, mas confirmou a penalidade.

Assim, aos 17 minutos, Gabi foi para cobrança e, com a categoria habitual, deslocou Marcos Felipe: 1 a 0 para o Flamengo, que, antes e depois, teve as melhores oportunidades da primeira etapa, com Arrascaeta e Bruno Henrique ameaçando o goleiro rival. Foram seis finalizações contra apenas uma do Flu.

Com dificuldade no meio de campo, o time de Roger Machado teve dificuldades para ir ao ataque. As melhores escapadas foram com Gabriel Teixeira atacando as costas de Isla. Kayky também travou um bom duelo com Filipe Luís, mas o experiente lateral-esquerdo soube neutralizar o jovem atacante do Tricolor. Em bola parada, Kayky teve a grande chance antes do intervalo, mas finalizou mal.




ROGER MUDA TODO ATAQUE; CENI RESPONDE

Apagado, Nenê foi substituído por Roger Machado no intervalo. Cazares entrou, mas não conseguiu repetir o impacto que teve em partidas recentes do Fluminense. O Flamengo foi menos incisivo, mas manteve o controle do jogo. Logo depois de Rogério Ceni acionar João Gomes e Matheuzinho, o treinador tricolor fez mais três mudanças, alterando todo o sistema ofensivo da equipe.

Entraram Caio Paulista, Luiz Henrique e Abel Hernández. No Fla, entraram Pedro e Vitinho. Com dois times ofensivos, as chances até demoraram, mas apareceram com mais frequência a partir dos 30 minutos da segunda etapa.

O EMPATE TRICOLOR COM ABEL
?
Após escanteio, Egídio ficou com a bola na entrada da área e cruzou. A defesa do Flamengo, que saía da zaga, viu Luccas Claro escorar para o centroavante Abel Hernández, que, já quase em cima da linha, deixou tudo igual no Maraca. O árbitro de vídeo confirmou a posição legal de todos envolvidos na jogada.

Aproveitando erro de Filipe Luís e o vacilo geral da defesa, Luiz Henrique teve a chance de virar o clássico na sequência, mas, cara a cara com Gabriel Batista, chutou para fora. Um minuto depois, foi a vez de Vitinho receber na entrada da área e finalizar forte, com a bola saindo rente à trave de Marcos Felipe. Com o 1 a 1 persistindo até o fim, as demais emoções ficaram para o próximo sábado.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1X1 FLAMENGO

Data/Hora: 15/05/2021, às 21h05
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus
Assistentes: Luiz Claudio Regazone e Michael Correia
?Árbitro de vídeo: Carlos Eduardo Nunes Braga

GOLS: Gabriel Barbosa (0-1, 17'/1ºT) e Abel Hernández (1-1, 31'/2ºT)

Cartão amarelo: Yago Felipe, Gabriel Teixeira, Fred, Calegari e Luiz Henrique (FLU); Gabriel Barbosa, Isla e Rodrigo Caio (FLA)
Cartão vermelho: Não houve.

FLUMINENSE (Técnico: Roger Machado)

Marcos Felipe; Calegari, Nino, Luccas Claro e Egídio; Yago Felipe, Martinelli e Nenê (Cazares, Intervalo); Gabriel Teixeira (Caio Paulista, 21'/2ºT), Kayky (Luiz Henrique, 21'/2ºT) e Fred (Abel Hernández, 21'/2ºT).



FLAMENGO (Técnico: Rogério Ceni)

Gabriel Batista; Isla (Matheuzinho, 17'/2ºT), Willian Arão, Rodrigo Caio e Filipe Luís; Gerson, Diego (João Gomes, 17'/2ºT), Everton Ribeiro (Pedro, 21'/2ºT) e Arrascaeta; Bruno Henrique (Vitinho, 21'/2ºT) e Gabriel Barbosa.

1128 visitas - Fonte: Lance!


CONFIRA: Flamengo negocia com ex-jogador do São Paulo para substituir Gerson

VEJA: CBF não paga salários de atletas do Flamengo e Palmeiras e fatura R 30 mi














Instale o app do Flamengo para Android, receba notícias e converse com outros flamenguistas no Fórum!

Mais notícias do Flamengo

Notícias de contratações do Flamengo
Notícias mais lidas

Comentários do Facebook -




Erro= eu sempre cantei essa bola.

Nem sempre pode se crucificar o técnico, o cara monta uma esquema que funciona e o time joga bem dominando praticamente todo jogo , mais começam a porra da soberba e perdem gol a rodo com frescurinha e viadagem de um passe a mais e querer driblar meio time querendo se aparecer, vão tomar no cu bando de borsal e joguem sério bando de fdps!!! O erro do Ceni e nao corrigi as falhas dessa defesa, meu DEUS que gol ridículo, com contribuição do Pedro que entrou com gracinhas ao invés de jogar nao interceptou a bola e o Arão como sempre ficou olhando o adversário fazer o gol e já tinha falhado lá no meio quando o Luis Henrique perdeu o gol, passou o jogo todo reclamando esse fdp do Arão, o erro do Ceni foi botar a porra do vitinho , incrível como esse jogador nao emplaca uma série de jogos jogando bem , hoje essa praga errou tudo e voltou a ser a bosta de sempre!!! Até o Isla jogou bem hoje e o Everton mais ou menos , e o Bruno Henrique precisa de um banco urgentemente, Pedro tem que tirar a porra ds máscara da cara , ficou dando passinho de calcanhar , parecia que estavam goleando , tomar no cu queixada !!! Se tivessem jogado sério tinham goleado o fluminense , o Gerson jogou muito por esta se despedindo do clube é questão de dias, eu sempre essa bola. O que me dá raiva é essas oportunidades jogadas fora, fica atrás de renato Augusto e talisca e blá blá blá e o cárceres de bobeira e foi pro fluminense e está arrebentando , às vezes essa diretoria tem que fazer o feijão com o arroz e nao o faz., é foda.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.
Casa da apostas online Betway

Últimas notícias do Mengão

Próximo Jogo - Campeonato Brasileiro

Quarta - 19:00 - Maracanã - Premiere
Flamengo
Fortaleza

Último jogo - Copa do Brasil

Quarta - 21:30 - Maracanã
Flamengo
2 0
Coritiba